Verrugas

22 Junho 2015
1647 Views

Verrugas são pequenos crescimentos na pele, que geralmente não são dolorosos. Causadas por vírus, as verrugas quase sempre são inofensivas e podem desaparecer sozinhas. Elas podem surgir em qualquer parte do corpo e podem ser de diversos tipos também.

Verrugas podem variar muito de tamanho e formato de uma para outra. A textura também tende a ser diferente, podendo apresentar desde superfícies lisas até mais rugosas. Costumam se apresentar sem sintomas, vegetantes, ásperas, da cor da pele, mas também podem ser planas, macias e escuras.

Existem inúmeras causas possíveis para o surgimento de verrugas. Elas são causadas por um vírus chamado Papiloma Vírus Humano – conhecido popularmente como HPV, que infecta a camada superior da pele, causando as verrugas. Elas podem surgir mais facilmente quando a pessoa apresenta alguma lesão ou corte na pele. Por isso é tão comum encontrar verrugas em crianças. São bastante comuns também em áreas do corpo em que as pessoas costumam depilar, como no rosto, no caso de homens que se barbeiam, e nas pernas, no caso de mulheres que depilam as pernas.

É igualmente possível, aliás, transmitir verrugas para outras pessoas também, principalmente por meio do toque, num processo chamado de auto inoculação – muito comum em banheiros compartilhados de academias, piscinas, clubes, etc. A transmissão pode acontecer também durante o ato sexual desprotegido. A reinfecção também é possível. Uma pessoa não se torna imune a verrugas se já apresentou uma alguma vez.

Tratamento

Verrugas geralmente não são uma urgência médica, pois não são formadas por células cancerosas. Apesar disso, elas exigem tratamento, pois se não forem devidamente tratadas podem se espalhar pelo corpo, dificultando a cura. O tratamento também é necessário porque, apesar de haver a possibilidade de as verrugas regredirem espontaneamente, esse processo pode demorar muito. Desta forma, o tratamento é necessário para evitar que o portador da verruga infecte outras pessoas e para que ele mesmo possa voltar para as suas atividades normais. Quem tem verrugas não pode frequentar piscinas de clubes, academias, etc. Em alguns casos, se estiverem localizadas em partes do corpo em que há pressão, como nas solas dos pés, por exemplo, as verrugas podem doer e eventualmente coçar. Uma rápida cirurgia, com aplicação de ácidos no local, cauterização ou aplicação de nitrogênio líquido ou neve carbônica (sendo que estes dois últimos congelam a verruga, destruindo-a), pode resolver o problema.

 

Aviso

Jamais manipular a lesão. Não tentar removê-la sem orientação médica. Não utilizar alicates ou outros instrumentos para cortá-las. Isso pode causar uma infecção no local. Lavar a região no banho e aplicar um curativo (como o micropore) sobre as lesões para evitar que a manipulação das mesmas cause inoculação em outros locais do corpo ou transmita para outras pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *